Bispo Athanasius Schneider: Lutando contra o Novo Gnosticismo

Bishop-Athanasius-Schneider

Nota do VeriCatholici.org: A seguinte tradução é nossa a partir do artigo por OnePeterFive.com em sua totalidade. A original em Inglês pode ser encontrada aqui.

+ + +

Nota do Editor do OnePeterFive.com: Seguindo sua forte regida entrevista com Polônia Christiana na passagem da primeira parte do Extraordinário Sínodo sobre Casamento e Família, fomos em busca do Bispo Athanasius Schneider para procurar sua orientação sobre ações concretas que os Católicos podem tomar durante este tempo tumultuado na Igreja. Nós especificamente pedimos seu conselho em que os fieis podem fazer para resistir a heterodoxia e tratar dos erros (ou pelo menos ofuscações) que parecem ser problemas futuros de alguns dos mais altos prelados da Igreja. Embora que seu conselho fosse breve, é profundamente atencioso, e nos oferece um ótimo trabalho a se fazer. No próximo encontro do Sínodo, a menos de menos oito meses, não há tempo a perder.


É uma triste verdade que estamos num tempo de grandes crises na Igreja. Deus está conosco, contudo. Você me perguntou o que os fieis podem fazer para combater os erros difundidos pela Igreja. Eu gostaria de responder com algumas sugestões:

Nós devemos criar grupos de verdadeiros católicos, estudantes, famílias e clérigos que irão propagar de forma corajosa as verdades Católicas, especialmente nos ensinamentos da Igreja sobre família, natureza e os mandamentos de Deus.

Para alcançar esse objetivo, nós devemos fazer uso de todos os recursos que o mundo moderno nos oferece. Nós não podemos ficar contidos esperando que a mídia divulgue essas mensagens. Nós não temos que esperar que cada pastor as pregue do púlpito. Devemos abraçar as novas formas da midiáticas que nos permitem propagar o Evangelho e os ensinamento de nossa Santa Mãe, a Igreja. Devemos levar nossa mensagem à internet, publicar em sites, blogs e mídias sociais.

Mas não devemos esquecer de engajar com nossos caros católicos de modos mais tradicionais. Devemos organizar conferências, simpósios a níveis escolares. Nós devemos usar esses para criar publicações, panfletos e livros que possam ser usados como uma referência e ampliar nossa discussão.

Nós devemos também criar um movimento de famílias católicas, de “igrejas domésticas”, para testemunhar, defender e propagar a fé integral e o ensinamento sobre família, casamento e a ordem da natureza.

Temos que nesse tempo perigoso, ser corajoso, em iluminar a verdadeira Gnóstica e revolucionária característica da “Kasper agenda” demonstrando continuidade da divina doutrina matrimonial e sua prática ao longo dos dois mil anos de história da nossa igreja. Devemos inspirar os fies com exemplos de maridos santos, famílias, filhos e adolescentes. Nós devemos demonstrar, de um lado, a beleza de uma conjugal, familiar, solteira vida na castidade e fidelidade. Do outro lado, temos que ressaltar a feiúra, infelicidade, a esquizofrenia de uma vida contra a ordem divinamente estabelecida.

Para dar esperança àqueles que estão tendo problemas, é importantes para nós darmos exemplos de católicos penitentes do passado do presente. Aqueles que se converteram de sua vida pecaminosa do adultério, divórcio e sodomia.

Para dirigir os erros atualmente sendo propagados, maridos católicos legítimos, famílias e pessoas solteiras tem que escrever para o Papa, e para seus bispos, e para os competentes dicastérios da Cúria Romana, notificando-os dos heréticos, semi-heréticos e Gnósticos pronunciamentos das pessoas eclesiais ou eventos com uma agenda parecida que estão sendo promovidas através de pessoas eclesiais ou grupos.

Todos esses são meios de educação e formação. Mas a batalha que combatemos é contra mais que a ignorância. É contra principados e potestades. Não pode ter êxito ao menos que organizemos uma grande nacional e internacional rede de oração através da Adoração da Eucaristia, peregrinações, Missas solenes, procissões de intercessão e penitência com temas como, “A Santidade da Família e do Casamento”, “O Chamado à Castidade”, “A Beleza e Felicidade de uma Vida Casta”, “A Imitação de Cristo na Vida Familiar”, a “Expiação Pelos Pecados Contra Família”.

Talvez o mais fundamental de todos, nós devemos rezar fervorosamente afim de que Deus dê a Sua Igreja santos bispos e santos papas. De tal forma deve ser a oração das crianças, por que a oração do inocente penetra o céu como nenhuma outra.

Leave a comment

Filed under Português

Sign the Open Letter

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s